Valentine’s Day – Por que o dia dos namorados na gringa está bombando por aqui?

No Brasil somos do contra. Enquanto os Estados Unidos e a Europa comemoram o Dia dos Namorados em 14 de fevereiro, nós comemoramos em 12 de junho. A explicação não é nada romântica: foi uma estratégia criada pelo publicitário João Doria para alavancar as vendas de uma loja que o contratou. A ideia vingou e por aqui o dia mais romântico do ano é celebrado em junho desde então. Essa história vocês provavelmente já conhecem, né Loletes? Mas, vejam bem: o curioso tem sido perceber que em fevereiro os casais brasileiros também estão comemorando a data. #MuitoAmorSim

Não sei vocês, mas no Valentine’s Day, pelas redes sociais, o que eu mais vejo são fotos (lindas, por sinal) dos casais apaixonados e declarações de amor (igualmente lindas) nesse dia também!

Isso acontece porque estamos cada vez mais antenados com o que acontece lá fora. O rápido contato com quem está do outro lado do mundo encurta as distâncias entre nós, criando um verdadeiro mix cultural. Eu também acredito que casais formados por brasileiros e pessoas de diferentes países também ajudou a bombar essa tendência de comemorarmos o dia dos namorados também em fevereiro.

Por que 14 de fevereiro?

Lá fora essa data foi escolhida por ser o Dia de São Valentim. E a história do dia dos namorados lá fora tem uma origem bem mais romântica do que a nossa aqui.

Vejam bem: Dizem que esse dia foi celebrado pela primeira vez no século 5, em 14 de fevereiro de 496. Como já se passou muito tempo, existem algumas explicações para a origem da data, mas a mais conhecida é a de que São Valentim foi um padre que foi condenado à pena de morte por celebrar casamentos em segredo. Diz a lenda que o imperador da época havia proibido os casamentos por acreditar que homens casados se tornavam piores soldados. #FalaSerio

Valentim, no entanto, acreditava que o casamento era parte de um plano maior e dava sentido ao mundo. Ele ia contra a lei para casar os apaixonados.

E você? Vai comemorar com o crush agora em fevereiro, deixar para o tradicional 12 de junho ou aproveitar e celebrar as duas vezes? Eu estou fico com a última opção, afinal, amor nunca é demais!

Beijinhos apaixonados!

Lola Gênia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *