“Daisy Jones & The Six”, altamente viciante, retoma a estética de looks e cabelos dos anos 70

Com certeza você já ouviu alguém falando de “Daisy Jones & The Six” e não tem como negar. É a série — e a banda — do momento.

Está na Amazon Prime, e é uma adaptação do livro best seller, com o mesmo nome que conta a história de um grupo musical bem especial dos anos 70 que conquistou uma legião de fãs, mas que acabou do ‘dia para a noite’, e afinal, nada como um certo mistério para nos deixar ainda mais envolvidos.


Apesar de ser uma história fictícia, a autora já revelou em algumas entrevistas que se inspirou em uma história real, a banda britânica Fleetwood e se você se aventura pelo Tiktok certamente deve ter visto alguns vídeos de comparações da ficção com shows reais da Fleetwood.

Que a história e as músicas são envolventes você já deve saber, mas o que dizer dos figurinos e inspirações de cabelos? Eles trazem um estilo boho e uma estética dos anos 70, que mistura um lado hippie e étnico com tanto estilo que só nos resta babar.

Os cabelos e maquiagens das protagonistas femininas foram inspirados em mulheres reais da década e ajudam a dar vida e personalidade distinta a cada personagem. Com a linha do tempo que a série propõe a gente pode observar o visual dos personagens se modificando, principalmente quando a história é contada anos depois, na década de 90.

Lolete, é a fórmula certa também para compararmos as diferentes estéticas de décadas e nos apaixonarmos por todas elas. Juro! Os mais de 1000 looks exibidos ao longo da temporada são todos possíveis de uma versão adaptada para o nosso dia a dia. Combinam peças vintage garimpadas de fontes diversas, de mercado de pulgas à lojas online; marcas contemporâneas com espírito 70s como a Free People- que inclusive acaba de lançar uma coleção cápsula com itens usados na série-; além de itens feitos sob medida, tudo cuidadosamente selecionado por Denise Wingate.

Vem comigo analisar a beleza de algumas personagens:

Daisy

De idealista boho até rockstar mística, Riley Keough é nada mais, nada menos que a neta de Elvis Presley! Ela dá vida à protagonista Daisy Jones. O visual inicial de Daisy foi inspirado por Cher e Linda Ronstadt. Sua beleza traz “onda naturais”, franjona, pele clean e um ruivo super natural. Na sua versão anos 90, ela está um pouco menos natural e parece mais produzida. O cabelo passa a ser liso, as ondas somem e a franja passa a ser mais de lado, sua pele parece ter cores mais fortes e um aspecto matte, trazendo sobriedade. O magnetismo natural transparece em seu estilo que é marcado pelo ar despretensioso. Daisy encanta ao público pelo seu talento e pelo seu estilo autêntico.

Karen

Interpretada por Suki Waterhouse, é uma tecladista que chama atenção por ter uma estética mais moderna e sexy em relação à época. Fugindo de clichês, abusa das peças de alfaiataria referenciando o guarda-roupa de Patti Smith e Joan Jett. O cabelo tem volume, o dourado do tom é “glamouroso”, uma vibe bem Brigitte Bardot e a make, principalmente nos palcos, é marcada por olhos bem delineados, puxando pra cores fortes como preto. Na sua versão mais velha assumi um platinado, liso e curtinho lindo demais! Suki é do hit viral “Good Looking”, veio ao Brasil para performar no Lollapalooza e confessou que os fãs brasileiros são os melhores. Mentiu? Não, né?

Camila Dunne

Na vida real também se chama Camilla, só que Morrone, é fotografa e esposa do vocalista Billy Dune. Desde sua primeira aparição já podemos ficar encantados pela beleza da personagem que imprime simplicidade. Cabelo bem liso, solto sempre “ao natural” e pele clean, trazendo um visual mais ingênuo, boho, romântico. Opta por florais e peças ultra femininas nos primeiros anos da trama, composta por vestidos maxi e jóias delicadas. Porém, ao se tornar mãe, suas roupas ficam mais vibrantes, ainda priorizando tons terrosos, mas padronagens mais chamativas se fazem presentes. Conforme os anos vão passando, ela passa a adotar um visual mais maduro e sexy, produções cheias de glamour que remetem à Bianca Jagger. Peças com decotes estratégicos, lurex, silhuetas exuberantes e acessórios como cintos decorados, óculos oversized e bandana elevam seus looks. O cabelo ganha comprimento médio e mais volume, enquanto a pele ganha make em tons terrosos.

Simone

A melhor amiga de Daisy, também cantora, torna-se estrela da música disco e isso se reflete no glamour dos looks, repletos de camurça e franjas, ela abusa nos recortes especiais e toques de brilho. O styling dos acessórios marca a personagem, com brincos maxi, colares e cintos usados ao mesmo tempo.
Entre as inspirações, musas da era como Donna Summer e Chaka Khan. Nabiyah Be, que vive a cantora Simone Jackson, é brasileira, baiana e já até trabalhou como backing vocal de Daniela Mercury e Carlinhos Brown.

Você já viu a série? Me conta aqui nos comentários quem são suas personagens favoritas

Beijo,
Lola Gênia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *